domingo, 27 de janeiro de 2013

Hostel lisboeta é o melhor da Europa





O jornal britânico The Guardian pediu a uma viajante especializada em viagens económicas que escolhesse os hostels mais luxuosos por que já passou na Europa. Resultado: o lisboeta The Independente encabeça a lista e, entre elogios a Lisboa e Portugal, o "top" inclui mais dois hostels portugueses.

"Lisboa é provavelmente a melhor cidade da Europa para os viajantes" mais poupados, escreve Kash Bhattacharya, logo a abrir o destaque aos hostels europeus, recordando que a capital portuguesa somou "cinco hostels entre os 10 melhores do mundo" no último "ranking" do especializado Hostelworld.com (na verdade, até houve mais hostels lisboetas a destacarem-se).
Não é portanto de admirar que esta viajante "backpacker" (isto é, de mochila às costas) e blogger - actualmente em viagem pela Europa e que se prepara para lançar um e-book sobre o tema -, de todos os hostels (e são muitos) que já pôs à prova, tenha escolhido o lisboeta The Independente para abrir a lista dos "mais luxuosos da Europa". E no "top" encontra-se também o Gallery do Porto (surge em 3.º) e o Stay Inn de Lisboa.

Os predicados do destacado Independente são vários e imediatos para qualquer viajante que passe as portas deste alojamento econonómico localizado entre o Bairro Alto e o Príncipe Real, com o jardim de São Pedro de Alcântara à frente. Para começar, fica num palácio renovado, que, como Bhattacharya também realça, foi planeado para residência do embaixador suíço. Aberto no Verão de 2011, o hostel (que inclui o restaurante The Decadente), surge resumido como um "ponto de encontro" onde "viajantes e residentes se encontram" (uma citação do mote do hostel).

Elogiando a arquitectura original e as peças vintage de design, o artigo refere também existirem onze dormitórios modernos e quatro suites privadas (que, refira-se, já não entram no âmbito do "low cost"). "Os hóspedes podem jantar com todo o estilo no restaurante do hostel, The Decadente", por uns 10€ em dias de semana", destacam ainda, sugerindo também outra especialidade do Independente/Decadente: o "jantar com o staff", um bufete por 7€ (que é, literalmente, um jantar com a equipa da unidade hoteleira). Aponta-se que uma cama pode custar desde 12 euros por noite. (Veja o The Independente em vídeo na Fugas).

No top do Guardian, surge logo em 3.º o hostel Gallery, do Porto. "Localizado num edifício do século XIX" é "uma mistura de design hostel com galeria de arte", já que, duas vezes por mês, abre as portas ao público para exposições de obras de artistas portugueses. Enaltecem-se as vistas sobre a cidade e o bar privado, com grande ecrã para cinema (além de sala karaoke). No restaurante, "o chef da casa ajuda a preparar o pequeno-almoço e jantares de três pratos, onde brilham os pratos tradicionais portugueses como caldo verde e arroz de pato. Pode dormir-se desde 20 euros por noite.

by: FUGAS

4 comentários:

aflores disse...

Estas notícias são sempre boas para o nosso turismo.

Infelizmente a crise "incomoda" muita gente, e para sobreviver é necessário muita coragem e alguma sorte.

Grande abraço.

Tudo de bom.

Anónimo disse...

100datingwebsites.com

Anónimo disse...

The information were very helpful for me, I've bookmarked this post, Please share more information about this
Thanks

Anónimo disse...

They also offerstated income loansfor people which can be
thinking about getting these, however the more popular choices definitely signature loans personal loan from sbi commercial mortgage loans less complicated more complicated than
residential home loans.