sexta-feira, 28 de maio de 2010

Vuvuzela - A gaita que nos querem pôr na boca


A Vuvuzela é uma gaita Sul-Africana, fabricada na China sob encomenda da GALP. E que tem tanto simbolismo nacional, como as sevilhanas ou um cachimbo de água.

A Galp quer enfiar, a gaita na boca de todos os portugueses, pois o som que a gaita emite é igual ao barulho que alguns portugueses fazem quando é anunciado novo aumento dos combustíveis.

Para fazer com que os portugueses, adiram ao uso das vuvuzelas para apoiar a nossa selecção e aprendam a tocar o instrumento, a Galp contratou um senhor sul-africano, com olhos de tabaco de enrolar misturado com substâncias proibidas, que aparece sempre na TV, sem se pentear.

Estou em crer que grande parte dos portugueses, se pudessem, também ofereciam uma gaita aos senhores da Galp para eles tocarem, soprarem ou concertarem com colegas de outras companhias petrolíferas e quando se fartarem guardarem num sítio qualquer.
Assim de repente, só me lembro de um…


Post inspirado, em: Tiago Mesquita (Expresso)

Grupo Anti-vuvuzelas


Notícias Relacionadas:
França vai organizar o Euro 2016
O jogador que Mourinho gostava de treinar um dia, e muito mais
No Name Boys: 16 condenados por tráfico de drogas

14 comentários:

Fê-blue bird disse...

Aí, nesse sítio, ficava muito bem ;-)
Já agora onde se compra uma, estou a ter cá umas idéias...:-)
Um abraço

Isa GT disse...

Pois a mim, ninguém vai pôr uma vuvuzela na boca e tem razão, também só me lembro de um sítio para a guardarem lol

L.O.L. disse...

Nem me digas nada. Só estou a ver a gasolina a chegar aos 2€ a qualquer momento. Sim.......que metam a gaita no CÚ

Zé Manuel disse...

Por mim enfiava as vuvzelas na peida dos gajos da GALP. Que baixem os combustíveis e deixem-se de merdas.

polittikus disse...

@ Fê:
Compram-se nos postos da GALP.

Teófilo Silva disse...

Será que a GALP quer dizer:
Se tens gaita agarra-te à gaita, se não tens gaita agarra-te à nossa...
Fiquei muito curioso quanto às ideias da Fê-blue bird...
Não se esqueça de partilhar a ideia connosco!

polittikus disse...

@ Zé Manuel:
Sei que nos conhecemos desde que nascemos, temos muita confiança um com o outro, mas é possivel comentares ser escreveres vernaculo?

Zé Manuel disse...

dassss Claro que sim. Já podias ter avisado caralho. lol

polittikus disse...

@ Zé Manuel:
lolol Já sabia que ias responder dessa forma.

Rei da Lã disse...

O barulho dessa porcaria irrita-me profundamente!
Quase tanto como os ladrões da Galp...

José Silva disse...

Só queixas por causa do preço dos combustíveis, reparem bem a água está mais cara e ninguem reclama.
Não acreditam, então quanto é que pagam por uma garrafa de 33cl de água num café, agora é só fazer as contas.
Assoprem lá no canudo para eu ouvir e deixem-se de coisas.

ELEMENTO MUSICAL disse...

José Silva: Estou COMPLETAMENTE de acordo...

Anónimo disse...

"com olhos de tabaco de enrolar misturado com substâncias proibidas, que aparece sempre na TV, sem se pentear"

as coisas a que queria fazer alusão com esta perifrase não são feitas com tabaco de enrolar mas sim com tabaco tirado de cigarros...

polittikus disse...

@ Anónimo das 18:26:
Não podia estar mais certo. Mas se escreve-se tabaco tirado de um cigarro, provavelmente perdia o "efeito"...